Ideias e modelos de casas de madeira de crianças

Ideias e modelos de casas de madeira de crianças

As Casinhas de madeiras é um conceito muito diferente de decorar a sua casa, principalmente, se tiver crianças que possam desfrutar delas durante os dias mais quentes.As Casinhas de madeiras é um conceito muito diferente de decorar a sua casa, principalmente, se tiver crianças que possam desfrutar delas durante os dias mais quentes.

Existem muitas casas de jardim à venda, a maioria delas feitas de plástico e sem grandes particularidades, as casinhas de madeira são diferentes podem ser decoradas, são uma espécie de mini casas, perfeitas para os pequenos.
Na compra desse modelo de casa, tem se a opção de comprar a base e depois dar o seu toque pessoal. Com vários detalhes, dependendo do seu estilo, podemos colocar a criatividade em prática e elaborar uma casinha de madeira super original para decorar o seu jardim

Casa de arvore

Toda criança já teve um sonho de ter uma casa na árvore. Com projetos maravilhosos, essas pequenas construções de madeira de até 12 m² vão fazer você recordar momentos da infância e aproveitar bastante junto com a criançada

Vale a pena arquitetar um ambiente que favoreça o desenvolvimento dos filhos, tome alguns cuidados:

1. O excesso de detalhes pode atrapalhar um pouco. Deixe áreas vazias para os pequenos se esparramarem.

2. Atividades como montar e desenhar pedem um toque especial na iluminação, e devido ao corre-corre das crianças devemos priorizar ambientes bem ventilados.

3. Planeje uma lousa ou um canto de pintura com lápis de cor e tinta à vontade. Não sempre muito importante dar uma força à imaginação dos pequenos.

O sonho da casinha de boneca das meninas

Toda menina sonha em ter uma casinha de boneca, afinal esse se tornou um  lugar onde se pode entrar e imaginar que a vida gira em torno daquele lugar. Essas casinhas são excelentes para estimular a imaginação e a fantasia das crianças.Dentro desse brinquedo as meninas poderão se reunir com  suas amigas para idealizar todos os tipos de brincadeiras, é nessa casinha que elas poderão guardar os seus brinquedos favoritos e podem montar uma casa como imaginam ter quando crescerem. Segue alguns modelos:

• Chalé em miniatura


Esse modelo, com 10 m² de área interna. Sustentada por mourões de eucalipto tratado de dois metros de altura, a estrutura é feita com madeira de reflorestamento e, assim como uma casa de verdade, conta com batente, assoalho, rodapé, forro, janelas, dobradiças, telhas. É muito importante tomar muito cuidado com os acabamentos, para evitar qualquer tipo de acidente.A inclinação das paredes laterais, é usada para protegê-las da chuva. A escada, também de madeira, dá acesso ao mezanino

• Cabana rústica

Nesse caso por falta de espaço, a solução foi criar um modelo suspenso. O tom esverdeado é resultado da autoclave, tratamento que deixa a madeira mais conservada e impede a ação de fungos e insetos.
A construção de 12 m² foi levantada sobre seis pilares de concreto revestidos por pínus, também utilizado na estrutura e no telhado, e conta com escada de ferro galvanizado e tubo de bombeiro.

• Surpresa no quintal

Esse modelo tem um tamanho de casinha de 4 m², posicionada entre duas palmeiras reais e suspensa por pilares de eucalipto autoclavado a 2,40m do chão.Antes de comprar sua casa, temos algumas dicas:

• Tipo de árvore: antes de acertar qualquer passo adiante é preciso conhecer a espécie da árvore que será empregue como sustentação. É importante você considerar a espessura das raízes (evite raiz superficial), tamanho da copa, crescimento da espécie e por último solicite uma análise para averiguar se a árvore está saudável, afinal ninguém quer que a casa caia.

• Dimensões: além de examinar a dimensão da árvore, é necessário considerar as extensões da casa, de modo que ambas sejam proporcionais, afinal um refúgio muito maior poderia causar sobrepeso na espécie e até condenar sua estrutura.

 • Materiais: a escolha do material utilizado é primordial, afinal o tradicional acabamento de alvenaria pode ser pesado demais para este tipo de estrutura. Então analise outras opções como madeira, que ficam em total harmonia com o ambiente e ainda é mais leve.

• Projeto/ construção: o ideal para qualquer construção é a contratação de um profissional especializado, para garantir a segurança da obra. No entanto é claro que em algumas circunstâncias, como uma casinha na árvore pequena e simples para crianças, esses profissionais não são exigidos, mas é importante lembrar que é preciso cuidado na hora de construir a sua casa de madeira.

 

Ideias de casas de madeira construídas em árvores

Ideias de casas de madeira construídas em árvores

Ter uma casa na árvore é o sonho de muita criança, principalmente, daquelas que gostam de assistir programas norte americanos, pois, as casas na árvore são mais comuns nos Estados Unidos.

Ideias de casas de madeira construídas em árvores

Casas de madeira construídas em árvores

Embora as casas na árvore sejam sonhos de crianças, muitos adultos estão aderindo a esse tipo de construção para ter um espaço de lazer e também para relaxar. Atualmente é possível encontrarmos casas na árvore mais simples e também mais amplas.

Pessoas que moram em uma casa onde tenha um espaço com uma árvore grande e forte, podem sem problemas construir suas próprias casas na árvore, mas aquelas pessoas que querem construir uma casa em uma árvore que não faça parte da sua residência será necessário contratar profissionais como arquitetos, engenheiros florestais e biólogos, sem falar que é necessária uma permissão da prefeitura da cidade onde a casa será construída.

Dicas para construir uma casa na árvore

A primeira coisa que deve ser feita é saber se quer mesmo uma casa na árvore. Depois procurar uma árvore e obter informações sobre ela como a idade, verificar se ela possui uma copa volumosa e se seu tronco é resistente.

O terreno onde está localizada a árvore deve ser seco e firme para ter a certeza de que as raízes não vão apodrecer com o tempo, fazendo com que a casa caia.

Harmonize o tamanho da casa com o tamanho da árvore, tenha cuidado para não fazer uma casa muito grande em uma árvore pequena e fraca, porque o tronco não vai aguentar e poderá causar uma tragédia.

Ideias de casas de madeira construídas na árvore

Casa na árvore com forma de cubo – A casa na árvore em forma de cubo só pode ser feita em árvores grandes e fortes. A sua estrutura pode ser feita com madeira escura nas laterais e madeira com uma cor mais clara no restante da casa. Na lateral pode ser feita uma janela e na frente uma porta. A casa na árvore com forma de cubo e feita de madeira pode ser usada por crianças e adultos.

Casa na árvore com área externa – Uma boa ideia de casa na árvore de madeira é realizar uma construção com uma área externa para colocar bancos, cadeiras e o que desejar. Nesse modelo de casa é possível até realizar festas com a família e amigos. Tenha cuidado com o excesso de peso, por isso, construa uma casa com o alicerce forte em uma árvore com tronco bem grosso. Outra opção é construir essa casa do lado da árvore, assim não se preocupará com o excesso de peso.

Casa na árvore tradicional – A casa na árvore tradicional é feita com madeira escura. Ela tem o formato de uma casa normal, com portas e janelas de vidro, varanda e uma escada para subir e descer da casa. Para deixar essa casa mais segura, ponha vigas abaixo dela.

Casa na árvore sofisticada – Para quem não abre mão do estilo, uma boa opção é construir uma casa de madeira na árvore sofisticada. Essas casas têm varanda, janelas, portas e a madeira é pintada. Essas casas ficam igualzinhas às casas normais. Algumas dessas casas podem até ter um porão.

Casas com dois andares – É difícil de acreditar, mas é possível construir uma casa na árvore com dois andares. Para isso é necessário encontrar uma árvore muito forte e o piso da casa deve ser feito com madeira grossa para não quebrar. A madeira usada nessas construções costuma ser de cor escura para deixar a casa ainda mais bonita.

Portanto, se sonha em ter uma casa na árvore para curtir e relaxar encontre uma árvore bem segura, obtenha as permissões necessárias, contrate profissionais renomados e adquira madeira de qualidade. Não economize, pois se a casa for mal feita, sua família e você poderão correr riscos.

Modelos de casa na arvore

Dicas para compra da primeira casa de madeira

Dicas para compra da primeira casa de madeira

Se você batalhou a sua vida toda para alcançar o sonho da casa própria, sabe o quanto são decisões difíceis. E que, mesmo assim, após chegar até o desejado lar, muitas burocracias, estudos, meditações e discussões foram incluídas na sua rotina.

Dicas para compra da primeira casa de madeira

Depois de buscar, juntar e decidir, o sonho da casa própria não estará de fato concluído até que você passe realmente a morar no imóvel. E para isto, depois de tudo acertado, será necessário aguardar o período de construção – nos casos de casa nova. Angustia e ansiedade são os sentimentos mais comuns até que a chave abra a porta que tenha no interior do imóvel as possibilidades de realmente ter um lugar para se fixar.

Como forma de facilitar esse processo e acelerar a construção do lar, cada vez mais é maior o número de pessoas que escolhem por casas pré-fabricadas. Estas casas são vendidas em placas prontas para a estruturação das paredes e telhados, que são produzidos já montado nos locais de produção e entregues.

Com um terreno já plano, os custos de compra, montagem e prazo são bem menores do que as tradicionais construções em alvenaria. O resultado é um lar mais econômico e cheio de charme para você chamar de seu.
Sege algumas dicas iniciais de casas pré-fabricadas em modelos e estilos que são o sonho de qualquer pessoa.

Vai construir sua casa de Madeira? Saiba qual tipo de madeira e melhor para sua construção 

Custos

Certamente a sua primeira preocupação ao ouvir falar em casas pré-fabricadas os custos. Serão caras? As casas pré-fabricadas, seja em madeira ou concreto, têm um custo que podem chegar a até 50% do valor do que se gasta com a construção de uma casa comum de alvenaria.

Se você comprar as peças já prontas, o custo com a mão de obra será menor, assim como o momento de montagem. O que pode encarecer um pouco mais a obra é a precisão de deixar o terreno em condições planas, já que a casa terá a fundação direta no solo. Depois de nivelado o terreno, o período até a entrega total da casa será muito curto.

Rapidez

Assim como o custo para a construção de uma casa pré-fabricada, outra vantagem que chama muito a atenção é quanto ao período de construção de um lar já pré-moldado. Enquanto que as tradições casa de alvenaria levam, no mínimo, 90 dias para serem construídas, as casas pré-moldadas levam um período muito menor, chegando a ter sua estrutura completamente pronta entre 3 e 6 semanas.

Manutenção

A manutenção de uma casa pré-fabricada é semelhante às tradicionais casas de alvenaria. O intervalo de cinco anos é o interessante uma manutenção elétrica e hidráulica, para que a casa proporcione sempre as melhores condições para a moradia. No caso de construções em madeira, é necessário que as madeiras recebam um tratamento completo adequado às variações climáticas.

Em geral as empresas que fornecem estes tipos de casa fornecem todas as informações técnicas pelos tipos de tratamentos pelos quais passaram as madeiras. Não é indicado a compra de casas de madeiras cruas e, no caso de placas de concreto, certifique se de que o material está devidamente tratado com impermeabilizantes.

Madeira x Concreto

As casas pré-moldadas em madeira são as mais comuns e tradicionais no mercado. A instalação com madeiras mantém, em geral, um visual mais igual quanto a textura. A manutenção deverá ser realizada com maior frequência e é sempre indispensável ter uma observação mais próxima quanto ao estado das madeiras.

Já as casas pré-moldadas de concreto dão uma variedade maior quanto aos modelos oferecidos no mercado. As estruturas de concreto oferecem maior resistência e, com isso, a menor necessidade de uma manutenção constante.
Quanto a temperatura ambiente, ambas oferecem boas condições para uma moradia agradável e podem ser planejadas ainda com aberturas que facilitem a ventilação no local. No final, a sua percepção pessoal é que definirá qual o modelo a ser comprado para ser o seu lar.

Estilo

Os arquitetos não costumam economizar quanto ao bom gosto e estilo empregados na construção de uma casa pré-fabricada. Têm diversos estilos, como sobrados, casas mais alongadas, com janelas amplas, varandas amplas e outros detalhes que se somam às suas preferências.

O modelo mais comum, nos casos de construções em concreto é o de estrutura mais ampla e em formato retangular. Já para as casas de madeira, o modelo em formato de chalé é sempre o mais procurado. Existe também a probabilidade de somar ambos elementos na construção do lar. Ter uma boa ideia em mente e contar com um profissional.

Dicas para compra da primeira casa de madeira

Interior

Assim como são simpáticas as fachadas de uma casa pré-fabricada, o interior delas não deve ser menos acolhedor. Com a presença forte da madeira ou concreto, conforme o modelo escolhido, o interior em tamanho reduzido e ambientes integrados permitem excelentes oportunidades de manter uma decoração aconchegante.

Pagamento e financiamento

As construtoras consultadas costumam oferecer diversas formas de pagamento. Além da negociação à vista, pode-se combinar o parcelamento de acordo com o cronograma da obra.

Há aquelas que aceitam veículos como parte do valor, trabalham com sistema de crédito pré-aprovado, cartas de crédito, consórcio e cartão BNDES, entre outros. Outra possibilidade, que não diretamente com os fabricantes, é por meio da Caixa Econômica Federal, que financia imóveis de madeira já construídos ou por construir.

Quando a área úmida é de alvenaria, pode-se financiar 100% do valor; quando não, o financiamento máximo cai para 80%. Em ambos os casos, o limite é de 15 anos. Já o Programa Minha Casa Minha Vida não contempla moradias pré-fabricadas.

Cuidados

Entre os cuidados principais, estão: a manutenção constante da estrutura de madeira, a sucessiva manutenção para que o terreno esteja sempre em condições alinhadas ao imóvel, o cuidado com a procedência dos materiais que serão utilizados para a montagem da casa.

Outros cuidados comuns à manutenção das tradicionais casas de alvenaria também devem ser tomados ao longo do período de moradia.

No mais, é só aproveitar o aconchego das casas pré-fabricadas e fazer com que a decoração a torne o melhor lugar do mundo!

Qual a melhor madeira para construir casas na atualidade

Qual a melhor madeira para construir casas na atualidade

Por ser um material naturalmente resistente e relativamente leve, a madeira é muito utilizada para fins estruturais e de sustentação de construções. Podemos verificas cada dia mais o aperfeiçoamento das técnicas de construção com esse material, que atrai não só pela beleza, mas também pelo isolamento térmico e acústico que proporciona, por sua resistência e até diminuição dos custos da obra.

A madeira é um dos materiais mais usados em arquitetura e engenharia civil. Nos seus diferentes modos de utilização, a madeira pode fazer parte de vários ambientes, principalmente em estruturas, coberturas, móveis rústicos e decorações, podendo ser aproveitada ainda no uso para acabamento interno da casa, como em batentes, portas e pisos como assoalhos, tacos, entre outros.

Um aspecto importante é o aumento das novidades de sustentabilidade na cadeia produtiva da construção com madeira. Cada vez mais edifícios são construídos com a utilização de madeira certificada nas obras e a instalação de sistemas de conservação de água e energia.

Saiba qual e a melhor madeira para usar em seu  telhado 

Segue algumas madeiras para construção brutas e aparelhadas

 Caibros: elemento do madeiramento do telhado. Atua no sentido longitudinal da queda d’água do telhado. Age juntamente com as ripas na distribuição das cargas sobre todo o madeiramento.

 Escoras: peça que sustenta ou serve de assistência a um elemento construtivo quando este não suporta a carga a ele exigida.

Dormentes: elemento usado na composição de escadas e peitoris. Também é utilizado para assentar os trilhos das estradas de ferro.

 Pranchas: peça de madeira plana e delgada, destinada a diversos fins.

Tábuas: peça de madeira plana e delgada, própria para pisos.

Vigas: componente estrutural responsável pela sustentação de lajes. A viga transfere o peso das lajes e dos demais elementos (paredes, portas, etc.) para as colunas.

Madeiras de qualidade

Para ter certeza da qualidade da madeira deve, em primeiro lugar, devemos verificar a idoneidade da madeireira e a procedência do material. É importante verificar questões de reflorestamento e sustentabilidade, não prejudicando o meio ambiente. Conheça as vantagens do uso de madeiras na construção.

Espécies de madeira

Amescla: Madeira fácil de serrar, moderadamente fácil de aplainar, oferecendo superfícies radiais ásperas. Uso: construção civil, caixas, engradados, móveis, divisórias e outros.

 Angelim: Fácil de trabalhar, acabamento de regular a bom na plaina, torno e broca. Uso: peças de decoração para exteriores e interiores, escadas, pisos, vigas, dormentes, estacas, tacos de assoalhos, vigamentos, etc.

Cedrinho: Oferece rentabilidade linear e volumétrica baixas e propriedades mecânicas entre baixa e média. Uso: venezianas, rodapés, guarnições, cordões, forros, etc.

Champanhe: Madeira muito resistente e firme. Uso: pontes, construção pesada, portos, estacas, obras imersas em ambiente de água doce, vigamentos, carpintaria, tacos, tábuas para assoalho, etc.

Curupixá: Fácil processamento no torno e na broca, procedendo em excelente acabamento. Uso: torneados, móveis, artigos domésticos decorativos, utensílios domésticos, produção de chapas e outros.

Faveira: Fácil de trabalhar. Uso: embarcações, móveis, artigos domésticos decorativos, brinquedos, artigos domésticos utilitários, compensados e outros.

Garapeira: Madeira considerada fácil de ser trabalhada. Recebe bom acabamento. Uso: construção de estruturas externas, dormentes, postes, estacas, mourões, carrocerias, vigas, caibras, ripas, tábuas, tacos para assoalhos, marcos de portas e janelas, etc.


Guariúba: Madeira fácil de trabalhar. Cola bem. Uso: Construção civil e naval, móveis, torneados, pisos, instrumentos musicais, caixas, engradados, chapas e outros.

 Itaúba: De baixa retratibilidade em relação à densidade, resistência mecânica alta a média e durabilidade alta. Uso: assoalhos, postes, pilares e dormentes, carpintaria, tacos, estrutura de pontes, cruzetas, vigas, caibros, tábuas, marcos de portas e janelas, implementos agrícolas, confecção de peças torneadas, etc.

Jatobá: Muito resistente aos fungos e cupins. Uso: construção civil, estacas, carroçaria, postes, tonéis, dormentes, móveis finos, laminados, assoalhos, tanoaria, vigamentos, cabos, ferramentas, etc.

Jequitibá: Madeira brandamente pesada. Uso: estruturas de móveis, peças torneadas, molduras, compensados, cabos de ferramentas, caixotaria e construção civil para vigas, caibros, ripas, etc.

Louro Canela: Ótima para se trabalhar tanto com ferramentas manuais como mecânicas. Cola bem e admite excelente acabamento. Uso: construção em geral, lambris, vigas, caibros, ripas, rodapés, molduras, guarnições, tábuas, pranchas, peças torneadas, marcenaria, compensados, etc.

Maracatiara: Fácil de trabalhar e propicia excelente acabamento. Recebe bem pintura, verniz, lustro e emassamento. Uso: vigas, caibros, ripas, tacos e tábuas de assoalho, marcos ou batentes de portas e janelas, esquadrias, caixilhos, forros, lambris, etc.

Peroba: De resistência mecânica e rentabilidade médias. Uso: interiores, decoração, pisos, painéis, entalhes, esquadrias, móveis, peças torneadas, cabos de ferramentas, tacos, tábuas para assoalhos, vagões, carrocerias, etc.

Pinnus: Madeira fácil de tratar. Uso: ripas, partes secundárias de estruturas, cordões, guarnições, rodapés, forros e lambris, pontaletes, andaimes, formas para concreto.

Tatajuba: Fácil de trabalhar com ferramentas manuais ou mecânicas. Recomenda-se perfuração prévia à colocação de pregos. Uso: dormentes, vigas, caibros, ripas, marcos de portas e janelas, rodapés, tábuas e tacos para assoalho, cruzetas, etc.

Tauari: Fácil processamento, gerando superfície de acabamento liso. Boa colagem. Uso: peças encurvadas, marcenaria, lâminas, compensados e outros.

Qual melhor tipo de madeira para fazer o telhado da casa?

Qual melhor tipo de madeira para fazer o telhado da casa?

O telhado da casa em uma construção é uma etapa que pode acabar saindo bastante caro de todo processo de construção de uma casa, pois a madeira pode elevar consideravelmente o custo da obra, e dependendo do projeto existe ainda uma necessidade de que o madeiramento seja muito, o que torna ainda mais caro o processo de construção do telhado.

Qual melhor tipo de madeira para fazer o telhado da casa?

Quer montar uma casa de madeira? Aprenda o passo a passo de como construir uma casa de Madeira do zero

Você pode economizar de duas formas, recorrendo ao projeto da casa pensando em minimizar o uso da madeira, porém isso dependerá muito. E a segunda forma seria a opção de um tipo de madeira mais barato.

Para a construção do telhado, é necessário antes de tudo escolher a forma que ele terá como aparente ou embutido, por exemplo, o tipo de telha que será usado, o caimento e também qual madeira deverá atender melhor à necessidade daquele projeto.

Existem no mercado diversos tipos de madeira e cada um é destino para um determinado fim, desta forma não seria correto usar pinus como madeira do telhado pois ele irá envergar, como talvez não seja tão necessário usar uma madeira muito nobre. Desta forma, acredito que a melhor opção seja um tipo intermediário como por exemplo a Cambará que não é uma madeira nobre, mas que atende bem a esta necessidade.

Mas existem casos como em ranchos, cobertura de garagens, área de serviços ou lavandeira onde a madeira ficará exposta, já que normalmente nesses casos não há laje. Neste caso o ideal é usar uma madeira melhor como Garapeira que permite acabamento melhor quando aparelhada.

Para a construção do telhado, muitos recomendam o uso da madeira Cambará, que mesmo não sendo tão resistente, é uma excelente madeira e seu preço cabe exatamente em qualquer orçamento de construção. Existem ainda outros tipos de madeira que são mais baratas que a cambará, porém a qualidade nem sempre é a mesma.

A madeira Pinus é uma dessas opções mais baratas, ela é mole e pode acabar não sendo uma boa opção para o telhado, a madeira Eucalipto é uma madeira excelente, porém ela possui facilidade em criar rachaduras, por isso na hora de optar pelo Eucalipto é preciso ter cuidado com seu uso para o telhado da casa.

Outras madeiras que também podem ser utilizadas são a Angelim, Peroba, Cedro, Itaúba, Grápia e outros que são muito utilizadas na Construção Civil. Dependendo da região é comum o uso de certos tipos de madeira, e provavelmente pela lógica e também distribuição dessas madeiras.

Conheça as principais madeiras indicadas para telhado:

As madeiras listadas abaixo, são utilizadas em telhados para construções no Brasil.

Peroba Rosa – A peroba rosa é uma madeira nobre de alto preço, seu uso acaba sendo inviável em telhados, além também de ser difícil encontrar esse tipo de madeira.

Parajú ou Maçaranduba – Conhecida por ser resistente e dura, sendo uma madeira difícil de trabalhar, porém muito usada em telhados por conta de seu preço mais acessível.

Garapeira – Madeira excelente e resistente a umidade e a cupins. Cria uma excelente acabamento, criando uma aparência incrível em telhados de varandas, garagens, sem forro e outras.

Cambará – A cambará é muito usada na construção de telhados, ela é dura porém não o suficiente para ser difícil de se trabalhar. O preço da cambará é altamente acessível se comparada as outras como a garapeira que costuma ser bem mais cara.

Angelim – Uma outra madeira que também é muito utilizada em telhado, principalmente por conta de sua leveza e resistência é a madeira Angelim, que é utilizada também para fabricação de portas, janelas e outras estruturas.

Guajará – Madeira excelente e indicada para telhados leves, a Guajará pode ser usada para ripas também.

Sucupira – A madeira Sucupira é uma excelente opção para telhado por ser fácil de trabalhar e bastante resistente, porém é muito difícil encontra-la no mercado.

Eucalipto – A madeira Eucalipto pode ser utilizada em telhados, porém é uma madeira que exige cuidados, pois tem facilidade de rachar. Antes de construir seu telhado com Eucalipto, é imprescindível saber que esse tipo de madeira é facilmente atacada por cupins, mesmo que seu preço seja o mais vantajoso se comparado as outras. O Eucalipto é mais utilizado para fabricação de papel no país.

Cumaru – A madeira Cumaru é extremamente pesada e difícil de se cortar, sendo uma peça muito resistente e por isso ela é indicada para a construção de telhados.

O ideal é que, quando chegada a etapa da cobertura da construção da casa você já tenha uma ideia de qual madeira irá comprar, mesmo que saiba apenas através de pesquisas, assim você poderá comparar o preço dos tipos de madeira que pesquisou e ver qual se encaixará melhor em seu orçamento.

Os dois tipos de madeira mais utilizadas para telhados é Garapeira e Cambará. A Garapeira, como dito acima, é dura e de ótima qualidade, porém seu preço é muito mais alto que o da Cambará, porém, você pode ainda optar por uma madeira Cambará, mesmo que seja menos resistente ela é uma excelente madeira e seu preço bem inferior.
Enfim, quanto mais nobre a madeira for, melhor será para a construção do seu telhado.

Porém, é imprescindível entender a respeito do orçamento que você ou qualquer outra pessoa tem para o uso da madeira, e encontrar um meio termo entre qualidade e preço é uma excelente alternativa para muitos casos. Muitas vezes você gostou da Garapeira, porém viu que a Cambará possui uma melhor relação entre qualidade e preço que pode se encaixar exatamente no seu orçamento do momento.

Passo a passo de construção de uma casa de madeira

Passo a passo de construção de uma casa de madeira

A construção de casa em madeira é o mais usado em alguns países, principalmente da América do Norte, Europa. o sistema balão, foi desenvolvido nos Estados Unidos, E vem sendo usada desde então. O sistema balão é uma construção muito bonita formada de madeira pequenas na transversal. Esse sistema raramente se usa no Brasil, devido a falta de técnica e de alguns materiais básicos, como painéis e perfis de madeira de tamanhos adequados.

Passo a passo de construção de uma casa de madeira

A fundação é uma base de apoio ao piso da construção. tem basicamente três formas diferentes: laje de fundação ou “radier”, sapata corrida de concreto armado, ou pilotis simplesmente cravados no terreno ou apoiados sobre blocos. A escolha do tipo de fundação depende do terreno. O piso pode ser de vários materiais: madeira, cerâmica e concreto. De preferência a madeira já secas, para evitar futuras frestas, ou mesmo estalos na madeira.

Geralmente a madeira usada na construção de casas são madeira maciça que não atraem cupins, são elas:

1. Maçaranduba ou Paraju: madeira escura, bem vermelho-amarronzada

• Angelim Pedra: madeira de cor castanho avermelhado claro ou escuro, com manchas castanhas

• Grápia, Garapa ou Amarelinho: madeira de cor bege amarelada ou bege rosada
• Ipê: madeira de cor pardo-acastanhado ou pardo-claro

• Itaúba: madeira de cor amarelo-esverdeado.

Pode se fazer necessário o tratamento do terreno contra cupins, afim de dar mais durabilidade a madeira contra cupins, embora toda a madeira da casa em construção dever ser já previamente tratada contra os cupins, pois assim terá mais durabilidade.

A madeira tem uma ótima durabilidade, tomando as medidas necessárias, contra os cupins e umidade, a vida útil e de aproximadamente 100 anos.
A madeira é um isolante térmico natural, retendo poucas volume de ar, retendo o calor ou o frio. A manutenção anual consiste em lavagem externa da casa, e a cada 5 anos a aplicação de verniz. A construção fica em torno de 20% mais barata que a alvenaria.

A construção:

Vamos exemplificar com uma fundação de radier, que nada mais é do que uma fundação ,rasa que distribui o peso da casa de forma balanceada. Geralmente, este tipo de fundação aguenta o peso de ate 4 ou 5 pavimentos. Neste tipo de fundação é preciso esta bem ciente da forma da casa, pois é necessário marcar onde estará as instalações hidráulicas e em alguns casos também as elétricas .

Depois de tudo planejado armasse a treliça e concretas se esperando a secagem por um período de 72 horas para começar de fato a construção da casa.

Para a fixação das vigas de sustentação é necessário que se merca onde ela será fixada, e marcada para que se faça os furos no concreto para com uma broca própria e depois fixando os parafusos com a chave correta para manter bem presa ao chão. Normalmente se usa um suporte de ferro para dar maior sustentação.

O que é barrote?

É uma peça de madeira na qual fica na laje, para que se construa o piso de madeira. O barrote é colocado sobre o piso da fundação com espaçamento de 30cm entre si, e aplica se o o.s.b (um tipo de tacume de madeira) bem pregado aos barrotes para fazer um contra piso. O osb oferece uma base lisa para receber qualquer tipo de piso.

O que é o.s.b?

uma espécie de tacume, de madeira tipo uma folha grande e lisa de madeira que pregada ao chão ou a parede, torna -se reta para receber piso, ou mesmo a massa corrida em paredes. As vigas de madeiras são necessárias para apoio de sustentação e distribuição de peso no telhado.

Paredes construídas de perfis metálicos ou de madeira e estruturadas com painéis de OSB tem grande resistência A estrutura das paredes suportam o peso do telhado, por isto é importante um bom vigamento. As paredes geralmente usa tesoura para suportar um maior peso do telhado.

O baldrame, e a soleira deve ter uma impermeabilização para não ter contato com a umidade, para assim dar uma maior durabilidade a madeira.
os painéis de piso pode ser feita antes ou mesmo depois que forem feita a parede e o telhado, onde ficará instaladas as portas e janelas necessita de estrutura especial, ou seja as chamadas vergas para suportar o peso, não fazendo com que ele desça sobre as portas e janelas para não empenar.

Como são as vergas?

São estruturas de madeira com um pequeno tamanho, que funcionam como vigas para distribuição do peso na estrutura como portas e janelas.

E a contra verga é a mesma estrutura da verga porém fica na parte baixa da janela ou porta fazendo um tipo de ligação entre as estruturas. Terminada a parte estrutural se usara o, osb para fechamento de parede tomando cuidado de marcar as tomadas e colocar todo o encanamento de água e luz, tudo já pronto fecha as paredes com as placas de osb. É recomendável o uso de uma manta impermeável na parede externa, evitando que a umidade infiltre na madeira. fazendo isto pode ser dar o acabamento de madeira externo. ou usando a massa apropriada para exterior.

Nas paredes internas, pode-se usar uma massa fina e receber a pintura, ou mesmo usar verniz e deixar as madeiras expostas.

As paredes internas que dividem os cômodos são da mesma altura da parede externa. Existe muitos telhados mais leves são eles, fibrocimento, e fibro-asfálticas, mais ainda no Brasil se usa muito as telhas de barro(tipo colonial)
A pré fabricação tem sido o meio mais econômico na construção de casas de madeira, tornando o custo beneficio satisfatório. Não tirando o charme e o ambiente aconchegante de uma casa que não seja pré fabricada.

8 tipos de casas de madeira para jardins

8 tipos de casas de madeira para jardins

Investir em áreas de descanso e lazer em casa tem sido uma prioridade para muitas pessoas. E uma das formas de fazer isso tem sido por meio dos jardins. Espaços que embelezam e trazem harmonia ao ambiente. Para tanto é preciso fazer um planejamento para que o mesmo se torne exequível.

8 tipos de casas de madeira para jardins

A primeira coisa que você precisa ter em mente é quanto a finalidade do seu jardim. Será para reuniões se deseja plantar algum pé de fruta ou ervas, se será um espaço para brincar com seus filhos ou com os seus animais e inclusive para fazer desporto.

Para quem busca economia combinada com charme e tom aconchegante uma ótima opção tem sido as casas de jardim em madeira. As construções de casas madeira são perfeitas para este local, devido ao seu charme e rusticidade combinam exatamente com o local naturalístico.

E ao contrário do que muitos pensam uma estrutura de madeira construída corretamente pode ser mais resistente do que outras estruturas.

Vantagens de uma casa de jardim de madeira

 Além de terem um custo menor em comparação com o valor total de uma casa de alvenaria, as casas de madeira de jardins são adaptáveis ao clima. A madeira consegue manter o ambiente mais aquecido no frio e mais fresco no calor. São ecologicamente sustentáveis já que a madeira usada é geralmente de reflorestamento. Fáceis e rápidas de construir são ainda uma prática e atraente forma de armazenar todo o material de jardim e até mesmo serem usadas para armazenar, brinquedos e jogos.

Exemplos de casas de madeira para jardins

Minija 3×2 (28mm)

 Abrigo de jardim em madeira maciça, com teco inclinado, Ideal para espaço fora de sua casa. É uma estrutura sólida e estável,  conta com 1 janela e uma porta ha batente  e vidro simples, com base + piso de 19mm de espessura. A espessura das paredes de 28mm e a sua linha polivalente permite que seja colocado em qualquer lugar. As dimensões exteriores são: 300 cm x 300 cm.

Bedford 220×220 (28mm)

Anexo de jardim de 220×220, (194x194cm interiores) com madeira de 28mm de espessura. Ideal para guarda, bicicletas e ferramentas de jardinagem.

Mantova 250×200 (28mm)

Abrigo de jardim fabricado em madeira nórdica de 28 mm de grossura. Conta com uma porta e uma janela frontal, e é ideal para armazenar ferramentas, ocupando um espaço muito reduzido no seu jardim.

Ula 250×340 (28mm)

É uma boa opção para quem deseja agregar beleza sem utilizar muito espaço. Suas dimensões compreendem parede com espessura de 28mm, altura máxima das paredes de 2,5m, portas com dimensões de 160x200cm e janelas de Single window Tilt & Turn 70 x 92 em vidro simples o que confere luminosidade ao interior.

Modena 300×250 (28mm)

Novo modelo fantástico e moderno de casa de madeira de abeto nórdico natural 28 mm de grossura, que conta com uma porta e duas janelas, e é especial para utilizar como abrigo de jardim.

Pergolados de madeira

Ideais para quem deseja conforto em seu jardim a qualquer hora e clima.com toque moderno, romântico e confortável os pergolados tem si tornado quase uma extensão da casa possibilitando estar, comer e descansar.

Pergolados de bambu

Muito requisitado pelas pessoas que buscam deixar a casa diferente onde ao mesmo tempo fique com um ar de casa luxuosa e bem decorada  o bambu

Abrigo de jardim Utility 11 m²

Uma solução tanto para as arrumações como para o lazer. Suas configurações deferentes permitem ter várias utilizações: ganho de espaço ou espaço de estocagem, tudo é permitido! Harmonizam-se perfeitamente com o seu jardim. Económicos, não precisam de qualquer manutenção. Não precisam de nenhum acabamento, proteção ou pintura. Uma simples lavagem com água é suficiente. São resistentes ao frio e ao calor.

Seja qual for a sua escolha atente para que a decoração esteja de acordo. Use a cabeça e ouse na decoração de sua casa.

Como montar uma garagem de madeira

Como montar uma garagem de madeira

Comprar um carro tem sido o sonho de muitas pessoas, porém esse sonho pode se tornar em um pesadelo quando verificada a inexistência de espaço suficiente para construção da garagem em casa.
Construir uma garagem é algo trabalhoso e exige muita atenção e planejamento. Porém a sua ausência pode lhe causar muita dor de cabeça.

Como montar uma garagem de madeira

Deixar o carro na rua pode lhe causar um problema maior. Além de aumentar as chances de ter o carro roubado, deixar o carro ao relento, sem proteção exposto a acidentes e eventuais arranhões causados pelos transeuntes só diminuem a vida útil do seu carro.

Pensando nisso, preparamos para você algumas dicas de como construí uma proteção /garagem de madeira para seu veículo.

O que observar na construção

Antes de começar a reforma em casa é necessário ir a secretaria de planejamento do seu município notificar essa reforma, levando junto a escritura da casa, plantas do terreno e projeto da garagem para obter a licença de construção.
A de se considerar também as dimensões do veículo. O cálculo do espaço deve ser preciso quanto à entrada do carro, abertura de portas, área de circulação das pessoas e fechamento de portão, se houver.

Para acomodar um carro de tamanho médio, meça um retângulo de pelo menos 4,90 m x 2,75 m. Agora se você está planejando uma garagem para um carro maior ou mesmo para mais de um carro, faça os ajustes necessários para tal.

Por que uma garagem de madeira

Sem espaço em casa, uma das opções é a garagem de madeira. As garagens de madeiras podem ser integradas com a casa, separada sem telhado, garagem com a estrutura toda de madeira com telhas tradicionais de cores distintas. Esse tipo de estrutura tende a agregar valor a sua residência.

Podendo optar por vários estilos e opções as garagens com madeira rústica são mais procuradas do que as tradicionais. O uso da madeira cria um ar charmoso e rústico, fazendo que o ambiente se torne aconchegante, podendo ainda ser aproveitadas como varandas de descanso.

Leia também: Os Melhores Modelos de casinha de Madeira para jardim 

Opção que cabem no bolso

Se a ideia é não gastar muito uma opção é considerar o que se tem em cassa e pode ser empregado na construção da sua garagem. Porém, nem sempre da para contar com essa ajudinha!! E o jeito é gastar. Mas gastar conscientemente.
Neste caso um telheiro pode ser a opção ideal. Inteiramente feito de madeira, com vigas para a sustentação e pranchas no telhado. Uma alternativa barata, prática e ecologicamente sustentável já que a madeira usada é geralmente de reflorestamento.

Outra boa dica para quem deseja algo mais resistente é a garagem com estruturas de madeira e cobertura de telhas de cerâmica. O custo também favorece, uma vez que às telhas utilizadas são provenientes de uma reforma da casa.

Materiais necessários

A escolha do material de construção da garagem varia de acordo com o estilo e do tipo de garagem pretendido.
No caso das garagens de madeira, a madeira autoclavada pode ser a mais apropriada para climas mais secos, mas se mostrará durável e customizável a longo prazo independentemente do clima.

Outra ótima opção tem sido o pergolado de madeira Todo de madeira ou contendo apenas base da pérgola em estrutura de alvenaria e apenas as vigas superiores de madeira tem se apresentado como uma boa alternativa, já que não é necessário mexer com a estrutura da casa.

Ao contrário do que se pensa uma estrutura de madeira construída corretamente pode ser mais resistente do que outras estruturas. Investir nas garagens de madeira tem sido um negócio mais rentável que as garagens convencionais, geralmente de alvenaria, visto a facilidade de não precisar mexer na estrutura da casa, além de conferir um detalhe super charmoso a fachada da casa e a possibilidade do ambiente ainda ser utilizado como área de lazer.

Os Melhores Modelos De Casinha de Madeira Para Jardim

Os Melhores Modelos De Casinha de Madeira Para Jardim

Pra deixar seu jardim mais decorado que tal montar uma casinha de madeira para jardim, especialmente, se tiver crianças que podem usar elas para brincar durante dias mais quentes. Temos vários modelos espalhados mais quase todas feitos de plástico sem qualquer cuidado, as casinhas de madeira são diferentes, são feitas para durar muito tempo e são melhores para decoração um jardim

Para se fazer uma casinha de madeira é muito simples, primeiro comprar os matérias e então mãos à obra.

Com muito pouco você consegue construir uma casinha e deixar seu jardim lindo.

10 ideias para sua casinha de jardim

Vou dar a vocês os melhores modeles de casinha de jardim já feitos, umas pequenas outras maiores mais com o mesmo intuito, deixar seu jardim lindo.

Nem uma criança vai resistir em não ter uma em casa.

mini_casa-de-arvore-jardim

Versão mais feminina de uma casinha de madeira

mini_casa-de-jardim-em-madeira

Réplica em miniatura de uma casa americana

mini_casa-madeira-jardim

Casinha de madeira para jardim, ideal para uma meninamini_casinha-de-brincar

Versão mais simples de uma casa de madeiramini_casinha-de-brincar-jardim-madeira

Casa de madeira para decorar o seu jardim em tons claros

mini_casinha-de-jardim-brincar mini_casinha-de-madeira-jardim

Veja também: Tipos de Decoração Com Madeira de Demolição 

mini_casinha-de-madeira-jardim-2

O presente perfeito para os mais pequenos

mini_casinha-madeira-jardim

Uma casa de madeira que parece mesmo uma casa de bonecas

mini_sasinhas-de-jardim

Tipos De Decoração Com Madeira De Demolição

Tipos De Decoração Com Madeira De Demolição

Você entende um pouco de decoração de ambientes mais mesmo a sim e difícil criar algo que faça suprir suas necessidades? O que acha de investir em decoração com madeira de demolição, rusticas ou mesclada com itens mais modernos. Cada vez mais este tipo de decoração vem ganhado lugar e se mostrando umas das melhores ideias em decoração já feita.

mini_decoracao-com-madeira-de-demolicao

Veja também: Como Montar Uma Casa Pré-Fabricada 

Melhores ideias em decoração com madeira de demolição

Tudo que é pedaços de moveis e construções antigas que ainda permanecem com resquícios de pinturas e pregos são considerados madeira de demolição. Com toda esta madeira detonada e feita uma diversidade de decoração para interiores de casas. Esta arte de decorar com madeira de demolição e uma coisa antiga mais que até os dias de hoje vem crescendo muito.

mini_decoracao-com-madeira-de-demolicao-dicas mini_decoracao-com-moveis-de-demolicao mini_decoracao-de-madeira-de-demolicao mini_decoracao-madeira-de-demolicao mini_decoracao-madeira-de-demolicao-dicas

Descubra também: Como Montar Uma Casa Na Arvore 

Um fato interessante é que a decoração com madeira de demolição é a sustentabilidade, e sua robustez e resistência assegurada pelos diversos tipos de madeira, como: lareiras, penteadeiras, armários, mesas de cabeceira, e muitos mais.

Uma área ótima para este tipo de decoração e a externa da casa mais com muito cuidado para que os objetos não sofram com a incidência de raios solares, pois pode danificar as peças. Com isso proteja seus moveis com verniz.

mini_madeira-de-demolicao mini_madeira-de-demolicao-decor mini_madeira-de-demolicao-decoracao1 mini_madeira-de-demolicao-decoracao-dicas mini_madeira-de-demolicao-dicas mini_madeira-de-demolicao-fotos

A decoração de madeira demolida e muito linda e faz qualquer ambiente ficar maravilhoso. Para quem quer cuidar da madeira uma dica é mesclar os dois estilos com harmonia para gerar um apelo visual.

Toda madeira de demolição merece cuidados na hora da decoração

Muitas pessoas acham que a decoração de madeira de demolição não merece muitos cuidados mais estão errados. A manutenção tem que ser feita sempre para evitar que o móvel seja foco de possíveis pragas. Uma coisa importante é que a madeira não fique exposta a luz do sol, e seja limpa com pano úmido.mini_madeira-de-demolicao-na-decoracao mini_madeira-de-demolicao-para-decoracao mini_madeiras-de-demolicao-decoracao mini_madeiras-de-demolicao-decoracao-dicas mini_madeiras-de-demolicao-para-a-decoracao

 

Gostou desta dica de decoração com madeira de demolição, fique sabendo que já existem lojas especializadas que ‘fabricam’ móveis e demais objetos com estas características mais rústicas. Fique à vontade para comentar sobre o que acha dessa inspiração!